Pesquisar notícia
segunda,
29 mai 2023
PUB
Tecnologia

Tudo mudou: 5 exemplos de profissões digitais

17/02/2023 às 11:34
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A revolução digital transformou completamente a nossa forma de viver, trabalhar e comunicar. Com a Internet e os avanços da tecnologia, as profissões digitais surgiram como algumas das carreiras mais procuradas no mercado de trabalho atual.

A ascensão das profissões digitais tem um profundo impacto numa vasta gama de indústrias, criando oportunidades para profissionais com as competências e os conhecimentos necessários para prosperar num cenário digital.

E não é só nos grandes centros que esta mudança está a acontecer, em zonas como o Médio Tejo, ao longo de 2022, existiram iniciativas para acelerar o comércio digital. Uma forma de potenciar a região e tornar mais capazes as empresas locais neste novo ecossistema.

Neste sentido, seguem-se então alguns exemplos de áreas que mudaram com chegada das profissões digitais.

1. Marketing (Digital Marketer)

O marketing evoluiu para além dos métodos tradicionais dos anúncios de imprensa e spots televisivos.

O marketing digital tornou-se uma componente essencial de qualquer campanha de marketing bem-sucedida, com um número crescente de empresas a recorrer a estratégias de marketing digital para alcançar uma audiência mais vasta.

Esta mudança levou à criação de novos títulos de emprego, tais como o Digital Marketer, um profissional que agrega tudo o que se refere à presença online de uma marca. Faz gestão de redes sociais, define a estratégia digital, otimiza e efetua performance de campanhas, e ainda otimiza a vertente SEO e potencializa o tráfego, não pago.

2. iGaming (Profissional de Poker)

Na área do iGaming, área que se refere aos jogos de casino online e todas as competições feitas com esses jogos, ainda que possa parecer uma profissão inusitada nesta lista, a verdade é que a componente do poker online agrega uma vertente profissional que muitos desconhecem.

Além da profissão física de jogador de mesa, de torneios, com patrocínios, existe então a vertente online, com os mesmos princípios. E, nessa altura, destacam-se grandes nomes como André Hakkari, um dos maiores embaixadores do poker na América Latina.

Hakkari tem sido um dos grandes nomes do online, com resultados sólidos, promovendo também a modalidade, versão online, pelo mundo, e participando em torneios de grande reputação. Através de plataformas online como a Twitch, também tem dado a conhecer a modalidade, explicando os seus métodos, as regras e as estratégias que usa e o decorrer de vários torneios do jogo, tudo ao vivo e em tempo real. É esta a essência deste tipo de profissional no mundo online.

3. Finanças (Analista de Fintech)

A indústria financeira também sofreu alterações significativas com o aparecimento das profissões digitais. A ascensão das empresas fintech mudou os modelos bancários tradicionais, com os clientes agora capazes de realizar as suas transações bancárias online, o que fez com que os serviços bancários digitais tornarem-se cada vez mais populares.

Por outro lado, com esta popularidade, começaram a surgir e então os analistas de fintech, especialistas na análise da banca, nas transações de NFT’s ou criptomoedas, e com a função de trabalhar soluções financeiras online (crédito, empréstimos, mobile banking, etc.) para consumidores e investidores, com base em dados e estatísticas financeiras.

4. Tecnologia Inteligente (Arquiteto de inteligência artificial)

O futuro parece promissor para a inteligência artificial nos próximos anos, tanto no mundo dos negócios como na vida dos consumidores nas suas atividades diárias.

Como resultado desta procura de produtos e serviços habilitados para a IA, as empresas procuram ativamente colaboradores talentosos para preencher as posições disponíveis.

No caso, surgiu como necessidade os arquitetos de inteligência artificial, que têm como função integrar inteligência artificial nos modelos de negócio, programando máquinas e componentes com análise de dados e processamento de linguagem natural.

No fundo, são os criadores da essência do serviço ou produto com inteligência artificial.

5. Programação (Web Developer)

Esta é uma área que por defeito já era digital. Contudo, com o avanço tecnológico, a programação binária mudou, os bits mudaram e até mesmo a aparência do que é gerado se transformou.

Neste sentido, até se pode dizer que ocorreu uma transformação digital na própria programação. E com essa mudança surgiram os Web Developers.

A profissão compreende a codificação, criação e construção de websites ou aplicações móveis utilizando várias linguagens de programação, tais como HTML, Java, React, Python, entre outras.

Têm também a tarefa de compreender os requisitos dos clientes e fornecer sugestões sobre como os websites podem ser melhorados para oferecer aos utilizadores uma experiência mais satisfatória.

Com efeito, com o aumento da inteligência artificial e da automatização, o futuro do trabalho está prestes a mudar ainda mais, com o aparecimento de novas profissões e conjuntos de competências.

Nesta era digital, é essencial que os indivíduos sejam adaptáveis e continuamente aperfeiçoados para permanecerem relevantes nas suas respetivas indústrias. Ao fazê-lo, estarão mais bem equipados para navegar na paisagem em constante mudança das profissões digitais.

 

Palavras chave:
Tecnologia