Pesquisar notícia
terça,
25 jan 2022
PUB
Covid-19

Covid-19: Há mais 341 contágios, mas os números do Médio Tejo revelam tendência de descida

10/01/2022 às 17:59
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Nas últimas 24 horas os laboratórios da região fizeram a deteção de mais 341 contágios com o coronavírus. Depois de um pico com mais de 800 casos em 24 horas, os casos positivos no Médio Tejo têm vindo a descer gradualmente. Com os casos registados pelos laboratórios o total de casos acumulados, desde que começou a pandemia, passou a barreira dos 28 mil. Há nesta segunda-feira um total de casos no Médio Tejo de 28.256.

Os 341 casos identificados nas últimas 24 horas estão localizados em Abrantes (66), Alcanena (19), Constância (13), Entroncamento (39), Ferreira do Zêzere (19), Mação (23), Ourém (90), Sardoal (5), Tomar (29), Torres Novas (26) e Vila Nova da Barquinha (12).

De acordo com a atualização geral de dados da USPMT, feita na sexta-feira, dia 7 de janeiro, há um registo de 425, e 20.793 pessoas que recuperaram da infeção.

Já com os 341 contágios reportados neste início de semana pelos laboratórios o número de casos ativos no território dos 11 concelhos da saúde do Médio Tejo foi atualizado para 7.038. Estes casos ativos estão localizados em Abrantes (950), Alcanena (424), Constância (106), Entroncamento (726), Ferreira do Zêzere (431), Mação (225), Ourém (1.592), Sardoal (166), Tomar (1.066), Torres Novas (1.130) e Vila Nova da Barquinha (227).

Portugal registou 20.212 novas infeções com o coronavírus SARS-CoV-2, mais 20 mortes associadas à covid-19 e mais 139 internamentos em enfermaria e 11 em cuidados intensivos nas últimas 24 horas, segundo dados da Direção-Geral da Saúde (DGS).

Segundo o relatório da situação epidemiológica da DGS, estão agora 1.588 doentes internados em enfermaria e 161 em Unidades de Cuidados Intensivos.

Os casos ativos voltaram a aumentar nas últimas 24 horas, totalizando 279.652, mais 5.691 do que no domingo, e recuperaram da doença 14.501 pessoas, o que aumenta o total nacional de recuperados para 1.361.273.

Das 20 mortes, 10 ocorreram na região de Lisboa e Vale do Tejo, cinco na região Centro, duas no Alentejo, uma na região Norte, outra no Algarve, e uma na Madeira.

Comparativamente com a situação registada em Portugal no mesmo dia há um ano, em que foram contabilizadas 7.502 novas infeções, o país tem hoje mais 12.710 novos casos.

Apesar do número de internamentos ter aumentado hoje, o número continua a ser significativamente inferior ao observado há um anos, em que estavam internadas 3.770 pessoas em enfermaria e 558 em cuidados intensivos, bem como o número de mortes que no mesmo dia de 2021, o boletim da DGS contabilizava 102 mortes.

Lisboa e Vale do Tejo continua a ser a região com mais novos casos diagnosticados nas últimas 24 horas, 8.349, seguindo-se o Norte (7.744), o Centro (1.614), a Madeira (1.185), o Algarve (652), o Alentejo (452) e os Açores (216).

Em relação ao dia anterior, as autoridades de saúde têm mais 3.300 contactos em vigilância, totalizando 227.973 pessoas.