Pesquisar notícia
sexta,
19 abr 2024
PUB
Abrantes

Unidade Móvel de Saúde vai estar nas praias para alertar para os cuidados a ter com o sol

10/07/2023 às 16:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

No concelho de Abrantes encontram-se duas praias fluviais, ambas na albufeira do Castelo de Bode. As praias de Aldeia do Mato e Fontes hastearam na semana passada a Bandeira Azul, atribuída pela Associação Bandeira Azul da Europa, certificado de qualidade ambiental.

A praia fluvial de Aldeia do Mato é também distinguida com a bandeira de Praia Acessível e a bandeira “Qualidade de Ouro”, atribuída pela Quercus – Associação Nacional de Conservação da Natureza.

As praias fluviais de Aldeia do Mato e de Fontes dispõem de um conjunto de estruturas de apoio aos banhistas e visitantes.

E com o calor a apertar, há cuidados a ter. Para alertar para essa situação, as duas praias vão receber, durante os meses de julho e agosto, ações de sensibilização que têm por objetivo alertar a população para os cuidados a ter com o sol e a prevenção do cancro da pele.

A vereadora com o pelouro da saúde na Câmara Municipal de Abrantes, Raquel Olhicas, explicou que as ações de sensibilização vão ser realizadas pela Unidade Móvel de Saúde Pública do Médio Tejo. “A Unidade de Saúde Pública do ACES do Médio Tejo tem uma Unidade Móvel de saúde, onde as pessoas podem entrar e consultar os folhetos. O objetivo essencial é prevenir a exacerbação e o aumento galopante dos melanomas que estão a acontecer no nosso país. Infelizmente, em Abrantes, temos alguns índices, temos alguns melanomas de tipo I e tipo II e que com estas ações de sensibilização, podem ser eventualmente preveníveis”.

Nas praias, a Unidade Móvel vai contar com técnicos do ACES do Médio Tejo que vão estar “a captar pessoas”. Mas a Unidade Móvel de Saúde vai estar bem visível e basta que as pessoas ali se desloquem. “As pessoas podem entrar e fazer questões. Muitas das vezes, mostram sinais e os técnicos, nomeadamente enfermeiros, que de acordo com os sinais apresentados, irão tirar fotografias e enviam para o dermatologista”, indica Raquel Olhicas.

Os cuidados a ter relativamente à exposição solar, a prevenção do cancro da pele, alimentação saudável, a questão da hidratação em dias quentes, sinais de alerta do cancro da pele e autoexame, são os tópicos que vão ser abordados. “O ideal aqui é as pessoas saberem que, à luz do que acontece com a prevenção do cancro da mama, o autoexame mensal, devem também monitorizar os seus sinais, o que é muito importante”, esclarece Raquel Olhicas.

Relativamente aos horários, os técnicos vão estar nas praias fluviais na próxima terça-feira, 11 de julho, em Aldeia do Mato e na sexta-feira, dia 14, em Fontes. Depois voltam a ir novamente em agosto, encontrando-se assim, na Aldeia do Mato a 25 de agosto e em Fontes a 22 de agosto, precisamente das 10:30 às 16:30.

Rastreios ao cancro da pele e cancro oral

Outra atividade com a qual o Município de Abrantes tem uma parceria também de alguns anos, é um rastreio que acontece na Unidade de Saúde Familiar D. Francisco de Almeida, em Abrantes, e que este ano vai ser no sábado, 29 de julho. “Vamos lá ter dermatologistas do IPO e também médicos com especialidade da área da prevenção do cancro oral. Vamos fazer aproximadamente 200 rastreios, não só ao cancro da pele como também ao cancro orofaríngeo”, explica Raquel Olhicas.

“A Liga Portuguesa Contra o Cancro é que é promotora”, e as inscrições podem ser feitas através dos números 915078953 ou 934580166.

“Nessas situações [rastreios] temos diagnosticadas algumas situações de pré-malignidade que conseguimos prevenir e fazer com que elas não progridam para a malignidade, portanto, estamos a contribuir para a qualidade de vida das pessoas”, informa Raquel Olhicas. Na página do Município de Abrantes estão publicadas todas as informações sobre este rastreio.

Jade Garcia