Pesquisar notícia
domingo,
26 mai 2024
PUB
Reciclagem

Habitantes de Vila de Rei são os que mais reciclam entre os 25 municípios da Valnor

15/02/2024 às 15:57
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Os habitantes de Vila de Rei, no distrito de Castelo Branco, são os que mais reciclam entre os 25 municípios de Castelo Branco, Portalegre e Santarém abrangidos pela Valnor, empresa responsável pelo tratamento de lixo.

“O ranking global apresentado pela Valnor mostra que os habitantes de Vila de Rei são os que mais reciclam entre os 25 concelhos abrangidos, com uma média total de 81,87 quilogramas por habitante/ano de resíduos recicláveis, ultrapassando a barreira dos 78,70 quilogramas por habitante/ano de resíduos recicláveis obtidos em 2022”, divulgou, em comunicado, a Câmara Municipal.

Segundo os dados disponibilizados, este resultado é “muito superior à média dos municípios da Valnor”, que se cifra nos 44,47 quilogramas por habitante/ano.

Em termos de reciclagem, verificou-se ainda no concelho de Vila de Rei um aumento de 2,1% na quantidade de resíduos de papel e cartão, em comparação com o período homólogo do ano anterior.

A mesma situação se verifica na quantidade de resíduos de embalagem de plástico e metal, com um aumento de 6,9%, e o vidro, que registou um crescimento de 04% em comparação com 2022.

Já em relação aos biorresíduos, em 2023 registou-se um aumento de 17,8% em comparação com o ano anterior.

No total, foram recolhidas 193,7 toneladas de biorresíduos, dos quais 99,08 toneladas correspondem a resíduos verdes, 25,14 toneladas ao tratamento na origem por compostagem doméstica, 62,2 toneladas de resíduos de destilação e 7,28 toneladas referente à recolha de proximidade de biorresíduos (alimentares), iniciada no final de outubro de 2023.

Em termos de indicadores economicamente relevantes, destaca-se uma quebra expressiva nos resíduos indiferenciados, “com menos 13 toneladas recolhidas em comparação com 2022, registando, pela primeira vez, um decréscimo muito positivo de 1,3%”.

Em 2023, foram produzidas em Vila de Rei um total de 978,56 toneladas de resíduos indiferenciados.

“Em comparação com os 25 municípios da área de intervenção da Valnor, Vila de Rei ocupa a segunda posição dos municípios que menos resíduos indiferenciados produz por habitante, com uma média de 298,4 quilogramas por habitante/ano, um resultado muito positivo visto que a média de municípios da Valnor se situa nos 389 quilogramas por habitante/ano”, lê-se na nota.

A Valnor, uma das 11 empresas do grupo 'Environmental Global Facilities' (EGF), é responsável pela gestão, valorização e tratamento dos resíduos urbanos produzidos nos municípios de Abrantes, Alter do Chão, Arronches, Avis, Campo Maior, Castelo Branco, Castelo de Vide, Crato, Elvas, Fronteira, Gavião, Idanha-a-Nova, Mação, Marvão, Monforte, Nisa, Oleiros, Ponte de Sôr, Portalegre, Proença-a-Nova, Sardoal, Sertã, Sousel, Vila de Rei e Vila Velha de Ródão.

Abrange uma área aproximada de 12 mil quilómetros quadrados e serve uma população de cerca de 254 mil habitantes.

Lusa