Pesquisar notícia
segunda,
24 jun 2024
PUB
Bemposta

Ponte militar facilita travessia no Rio Torto enquanto decorrem as obras na ponte da estação (ATUALIZADA)

18/04/2024 às 10:23
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A Infraestruturas de Portugal (IP) iniciou a empreitada de reabilitação da Ponte sobre o Rio Torto, localizada na EN363, em Bemposta, no concelho de Abrantes. A intervenção estava já prevista face à necessidade de salvaguardar a estrutura desta ponte que já oferecia alguns riscos, tanto mais que já tinha a proibição de ser atravessada por veículos pesados.

A IP avançou com esta intervenção, mas inicialmente não houve qualquer decisão sobre a criação de uma travessia temporária. Quem queria circular entre Vale das Mós, Brunheirinho ou Vale de Horta para Bemposta teria que dar uma volta por S. Facundo e Arreciadas, para entrar na Estrada Nacional 2 e ter acesso a Bemposta.

Nesse sentido houve, de acordo com a informação avançada pelo presidente da Câmara de Abrantes, na reunião do executivo municipal desta terça-feira, dia 16 de abril, uma ação muito rápida que envolveu diversos organismos, entre eles o Comando Sub-regional do Médio Tejo da Proteção Civil e o Exército através do Regimento de Apoio Militar de Emergência (RAME) e, de acordo com Manuel Jorge Valamatos, que participação do próprio Chefe de Estado-Maior do Exército, General Mendes Ferrão.

A ponte militar foi montada pelo Regimento de Engenharia N.º 1. Trata-se de uma uma ponte militar TREADWAY de 14,50 metros que permite à população local o acesso aos apoios sociais, a cuidados médicos e às escolas.

De acordo com informação do Exército, esta estrutura, instalada pela Companhia de Pontes, permitiu a circulação, em segurança, da população das localidades de Vale das Mós, Brunheirinho, Vale de Horta e S. Facundo, com a localidade de Bemposta, bem como a circulação para o distrito de Portalegre.

O protocolo de colaboração foi simbolicamente ratificado no local, juntando as partes envolvidas, representadas pelo presidente da Câmara Municipal de Abrantes, Manuel Jorge Valamatos dos Reis, e pelo Comandante do Regimento de Engenharia N.º1, Coronel Martins Domingues.

Deste modo na sexta-feira da semana passada, dia 12, foi instalada uma passagem alternativa à Rua da Estação em Bemposta, para veículos ligeiros junto à ponte de ferro, a cerca de 1 km do local que está a ser intervencionado. Tratou-se da instalação de uma ponte militar que evita, assim que os cidadãos façam cerca de 30 km para deslocações entre aquelas localidade e Bemposta, e vice-versa.

Houve ainda, segundo Manuel Jorge Valamatos, um acerto dos transportes públicos de modo que seja feito o transbordo naquela ponte, de modo que não haja alterações às rotinas, por exemplo, dos alunos daquelas aldeias, ou dos cidadãos que necessitam de ir ao médico ou ao banco, a Bemposta.

  

Manuel Jorge Valamatos, presidente CM Abrantes

 

De acordo com informação da IP, esta intervenção envolve um investimento de cerca de 300 mil euros e visa o reforço dos encontros e a reabilitação geral das estruturas de betão da ponte.

Na mesma nota a IP, revela que com a concretização da obra, que tem um prazo de execução de 150 dias, serão repostas as condições normais para a circulação rodoviária, nomeadamente de veículos pesados, nesta travessia da EN363.

 

Galeria de Imagens