Pesquisar notícia
quarta,
08 dez 2021
PUB
Sociedade

Finalmente já se pode pescar no rio Tejo entre Abrantes e a ponte da Chamusca

18/11/2021 às 08:31
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Ao fim de mais de quatro anos os pescadores podem sorrir, pois já podem regressar à pesca lúdica no rio Tejo entre Ortiga e a ponte da Chamusca. E se a 28 de outubro os pescadores puderam festejar com a decisão do governo em acabar com esta proibição, o dia 15 de novembro foi de festa ainda maior. É que é a data que consta do edital do Instituto de Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) que aplica a decisão governamental.

O documento é muito simples e revela que passa a ser permitida a pesca lúdica em oito zonas de pesca profissionais do país, entre elas as de Ortiga (que fica situada entre a Barragem de Belver e Abrantes) e a de Constância/Barquinha (que fica situada entre Abrantes e a Ponte de Chamusca).

O edital levanta a proibição de pescar no Cávado, Lima, Mondego, Vouga e Guadiana.

De acordo com o comunicado da Presidência do Conselho de Ministros de 28 de outubro deste ano: “Foi aprovado o decreto-lei que estabelece que, para além da prática da pesca desportiva, os planos de gestão e exploração das zonas de pesca profissional possam prever, também, a prática da pesca lúdica, acabando assim com a interdição da prática da pesca lúdica em áreas tão vastas como as atualmente ocupadas pelas zonas de pesca profissional”.

No início de setembro a Antena Livre enviou um email ao Ministério do Ambiente e Ação Climática a perguntar quando é que esta lei poderia ser revista. Na resposta, também enviada enviada por e-mail, o Ministério de João Matos Fernandes revelou (no início de setembro) que estava a produzir uma proposta de lei para alterar esta situação.

Notícia relacionada: Governo acaba com proibição de pesca lúdica no Tejo