Pesquisar notícia
segunda,
06 dez 2021
PUB
Sociedade

Espaço Cá da Terra: de onde pode levar Sardoal consigo

12/04/2017 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

O Espaço Cá da Terra, fruto de uma parceria entre o Município de Sardoal, a Tagus - Associação para o Desenvolvimento Integrado do Ribatejo Interior e os produtores locais, está localizado no Centro Cultural Gil Vicente e comemorou três anos em dezembro passado. “Tem funcionado muito bem”, afirma o presidente da Câmara Municipal, Miguel Borges.

“É um espaço que tem tido um trabalho importante naquilo a que chamamos o nosso arquivo da memória, onde já fizemos muitas exposições e onde não só mostramos os produtos mas também fazemos recolha das histórias de quem trabalhou nas atividades que mostramos”, explica o autarca.

É também o espaço expositivo “daquilo que são os nossos produtos locais e regionais, que podem ser adquiridos ao custo do produtor, e onde, muitas vezes, vemos as senhoras das tardes da agulha e do dedal. Também se fazem com frequência workshops, desde a feitura do pão, da doçaria, dos cestos… é um espaço que tem tido uma dinâmica muito grande e que é um aproveitamento do que era o antigo café, sem descaracterizar aquilo que continua a ser um espaço de apoio ao Centro Cultural”.

Para os visitantes, este é o espaço ideal para poder levar um pouquinho de Sardoal. “É essa a ideia”, afirma o presidente. “As pessoas levam os nossos vinhos, os doces e compotas, as marmeladas, as tigeladas, o nosso pão, o artesanato… para oferecerem e mostrarem aquilo que de bom a nossa terra tem para oferecer”. “Sendo sardoalenses, levam uma recordação da sua terra para oferecer a outros. Levam, na verdade, Sardoal consigo”, diz Miguel Borges.

Até dia 30 de abril, o Cá da Terra está a acolher a exposição “Projeto Capela 2017”. “O Projeto Capela é um projeto que para mim é muito querido pois é fruto de uma análise que fiz há 18 anos, como professor, na escola”, confessa Miguel Borges. Uma ideia que tinha como objetivo levar os jovens a participar na feitura dos tapetes de flores das capelas e que resulta agora numa mostra de um conjunto de trabalhos realizados pelos alunos do Agrupamento de Escolas, alusivos aos tapetes de flores da Semana Santa.

O espaço Cá da Terra irá receber também, no dia 8 de abril, um Workshop de Velas Artesanais, ministrado por SENS – Saúde, Bem-Estar e Natura. Os participantes terão a oportunidade de aprender a fazer velas artesanais de cera de abelha natural que se caracterizam por arderem mais lentamente que as de parafina, terem uma chama mais viva e possuírem um natural e agradável aroma a mel. A iniciativa, enquadrada no âmbito da Semana Santa e Páscoa, decorrerá entre as 14h30m e as 18 horas.

Patrícia Seixas