Pesquisar notícia
domingo,
24 out 2021
PUB
Sociedade

Bebé que nasceu na A23 recebe cabaz da Casa do Povo de Mouriscas

7/06/2020 às 00:00
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A Casa do Povo de Mouriscas resolveu, no ano passado, começar com uma iniciativa solidária para os casais residentes na freguesia que sejam pais. Por cada criança que nasça na terra a associação oferece um cabaz composto por produtos para o bebé e que constituem sempre uma ajuda para “a carteira” dos pais.

Trata-se de uma ideia da Casa do Povo de Mouriscas com a parceria de várias empresas e particulares (Intermarché de Abrantes, Branco & Gaspar, Ideias da São e recentemente juntou-se, a título particular, Elvira Valente) que permitem a aquisição dos produtos que, neste caso, foram entregues à família do bebé Natanael este sábado, dia 6 de junho, 15 depois de ter nascido. A entrega dos produtos foi feita pelo presidente da direção da Casa do Povo de Mouriscas André Cadete.

Este é já o 5.º cabaz entregue pela Casa do Povo de Mouriscas aos pais das crianças que têm nascido na freguesia que, tal como tantas outras do interior, sobrem com a diminuição de população.

O Natanael nasceu na ambulância do INEM dos Bombeiros Voluntários de Abrantes. Paulo Dinis e Diogo Miguéns contaram como foi esta urgência, que seria normal, não fosse o parto ter sido feito por eles à beira de uma autoestrada. Neste caso, à beira da A23, junto à área de serviço de Abrantes. Depois da criança nascer seguiram para o Hospital de Torres Novas onde funcionava a Maternidade e Neonatologia.

De referir que no nó da A23 de Atalaia fizeram a passagem da mãe e do bebé para a ambulância SIV (Suporte Imediato de Vida) que haveria de concluir a viagem até à unidade hospitalar.

Mãe e criança estão bem e o pequeno Natanael tem agora esta prenda da Casa do Povo de Mouriscas e dos seus parceiros.

E no meio destes produtos segue um Jornal de Abrantes com a notícia do nascimento. Para mais tarde recordar.

Notícia Relacionada: Abrantes: Menino nasce em ambulância na A23