Pesquisar notícia
segunda,
24 jun 2024
PUB
Médicos de Família

Presidente da Lezíria espera que contratação de médicos estrangeiros atenue carências na região

3/06/2023 às 08:39
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

O presidente da Comunidade Intermunicipal da Lezíria do Tejo (CIMLT) declarou-se hoje esperançado em que a contratação de médicos estrangeiros pelo Ministério da Saúde possa atenuar a carência de médicos de família na região.

Pedro Ribeiro disse à agência Lusa que vê com preocupação o facto de nenhuma das 26 vagas colocadas a concurso para contratação de médicos de família para a região ter sido preenchida, mas declarou-se “esperançado” que a contratação de médicos estrangeiros possa ajudar a resolver a situação.

O também presidente da Câmara de Almeirim (Santarém) recordou a informação dada pelo ministro da Saúde, Manuel Pizarro, na reunião que teve com os autarcas da CIMLT, no passado dia 15 de maio, de que serão contratados médicos estrangeiros.

Nesse sentido, disse esperar conseguir sensibilizar o Governo para que, “pelo menos, metade das vagas” que foram colocadas a concurso “possam ser preenchidas por esses médicos”, o que, “não resolvendo totalmente, iria atenuar” o problema.

Pedro Ribeiro afirmou que vai sensibilizar o Governo para a colocação de, pelo menos, 13 médicos na região, tendo em conta que não houve qualquer candidatura no último concurso, bem como para que, num próximo concurso, abram vagas carenciadas (com reforço de remuneração), dada a falta de interesse dos clínicos em se fixarem na Lezíria.

No último concurso realizado a nível nacional, ficaram preenchidas perto de 300 das mais de 900 vagas existentes, não tendo sido ocupada nenhuma das 26 vagas da Lezíria do Tejo e apenas três das 37 destinadas ao Médio Tejo.

Lusa