Pesquisar notícia
segunda,
04 jul 2022
PUB
Região

Ministra da Defesa assistiu a demonstração de fogos reais do Exército (C/Fotos)

20/04/2022 às 11:05
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

O Exército Português recebeu ontem, dia 19 de abril, a visita da ministra da Defesa Nacional, Helena Carreiras.

Acompanhada pelo Secretário de Estado da Defesa Nacional, Marco Capitão Ferreira, a ministra da Defesa Nacional foi recebida pelo Chefe do Estado-Maior do Exército, General José Nunes da Fonseca, no Campo Militar de Santa Margarida.

Após a apresentação de cumprimentos, na Sala de Honra do Quartel-General da Brigada Mecanizada, Helena Carreiras assistiu a um ‘briefing’ do Exército, focado na sua missão e capacidades, na sua ação ao longo do último ano, e nos principais desafios do futuro.

Seguiu-se uma demonstração das capacidades distintivas que representam a componente operacional do sistema de forças do Exército, com a execução de fogos reais.

No final da visita e questionada sobre a guerra na Ucrânia e se Forças Armadas Portuguesas estarão disponíveis para servir na defesa das fronteiras dos aliados da NATO, Helena Carreiras reiterou os compromissos assumidos e a disponibilidade para as solicitações a cada momento.

“Nós fazemos parte de alianças militares, temos compromissos assumidos no quadro da União Europeia e da NATO e honraremos esses compromissos, como estamos, aliás, a fazer, desde já na Roménia, e estamos disponíveis para aquilo que sejam as solicitações que venham dos nossos aliados”, afirmou a governante, afirmando ter ficado “impressionada” com o exercício de demonstração de capacidades dos militares portugueses a que assistiu.

“Fiquei naturalmente impressionada e repito o que disse aos militares quando terminaram a demonstração, que me senti segura, que confio nestes militares, confio naquilo que são as suas capacidades, que têm demonstrado múltiplas vezes em que estão em missões no estrangeiro, mas também em território nacional, como durante a pandemia de covid”, disse.

Questionada sobre o facto de assumir o cargo de ministra da Defesa numa altura complexa em termos internacionais, Helena Carreiras disse ser um momento de defesa e afirmação de valores e de um modo de vida.

“Este é um momento realmente muito particular, mas o que sinto é que estamos todos a ter de enfrentá-lo nas nossas múltiplas posições. Portanto, enquanto ministra, o que posso dizer é que farei o que estiver ao meu alcance, no quadro do Governo, em colaboração com todas as entidades que participam na defesa de Portugal, para que possamos nós também participar deste esforço que a guerra na Ucrânia revela, que é o esforço da defesa, não apenas do nosso território, mas também dos nossos valores e do nosso modo de vida”, concluiu.

A encerrar a visita, a ministra da Defesa Nacional assinou o Livro de Honra do Exército Português.

C/Lusa

Créditos fotos: Exército