Pesquisar notícia
domingo,
21 abr 2024
PUB
Abrantes

Sorteio de Natal registou 70 mil cupões e 700 mil euros de volume de negócios (c/áudio)

6/01/2024 às 17:17
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

O Natal movimento no comércio tradicional do concelho de Abrantes, nos estabelecimentos aderentes ao sorteio de Natal, mais de 700 mil euros. Trata-se de um valor calculado com base nos 70 mil cupões que os clientes depositaram na tômbola, após terem efetuado compras no concelho de Abrantes.

Estes números foram divulgados pelo presidente da Associação Comercial e Empresarial (ACE) de Abrantes, Constância, Sardoal, Mação e Vila de Rei antes do sorteio que aconteceu no Mercado Diário de Abrantes, na manhã deste Dia de Reis, 6 de janeiro. Rui Serras destacou o empenhamento da Associação e do Município em estender este sorteio a todo o comércio tradicional do concelho e não apenas ao centro histórico de Abrantes, como no ano passado.

De notar que em 2022 houve a participação de mais de 28.000 cupões no sorteio, o que levou estas duas entidades voltar a realizar este evento de promoção ao comércio tradicional, mas desta vez estendida a todos os estabelecimentos comerciais do concelho. O objetivo foi o de impulsionar a economia local pelo incentivo ao consumo na quadra natalícia.

Rui Serras, no último ato público enquanto presidente da ACE, deixou o desafio para que no Natal de 2024 de repita este sorteio, alargado a mais estabelecimentos de todo o concelho e que seja ultrapassada a fasquia de 1 milhão de euros de volume de negócios dos participantes no sorteio de Natal de Abrantes.

Rui Serras, Presidente ACE

O sorteio de Natal de Abrantes pressupunha que por cada 10 euros de compras nos estabelecimentos aderentes o cliente recebesse um cupão de participação. O regulamento tinha a nota de que cada compra tinha um máximo de 6 cupões disponíveis.

Os prémios, num valor global de 3 mil euros, são constituídos por vales de compras para os estabelecimentos aderentes à campanha, sendo que o primeiro prémio foi um vale de 500 euros que coube a Dália Marques de Rossio ao Sul do Tejo por uma compra nos Móveis André; o segundo, no valor de 400 euros, foi para Diogo Barata por uma compra na loja G Kids, e o terceiro, um vale de 350 euros, coube em sorte a Rafael Soares, de Abrantes, que fez a compra na loja Espuma de Sabão. Foram sorteados os 20 prémios e mais dois suplentes, de acordo com regulamento, e com a supervisão da Polícia de Segurança Pública.

Nota para a necessidade de ter de ser construída uma tômbola nova, de maior dimensão, porque a existente na ACE não tinha capacidade para este volume de cupões.

Manuel Jorge Valamatos, presidente da Câmara de Abrantes, destacou que o sorteio de Natal começou em 2022, numa parceiria com a Associação Comercial e Empresarial, mas anda em torno do movimento económico que se gera no centro histórico e no concelho.

“Há muitas lojas associadas a este processo, representam 700 mil euros, mas há muitas outras compras que não, por vários motivos, nestes cupões”, vincou o autarca empurrando o volume de negócios nesta época para valores superiores.

Depois destacou a animação e, por exemplo, a dinâmica que o mercadinho de Natal e a pista de gelo sintético trouxe a Abrantes. Há um sentido de “estarmos todos juntos a fazer compras no nosso território.”

Manuel Jorge Valamatos referiu ainda que “temos a esperança de ter pessoas de fora a fazer compras no nosso território” e acrescentou que não é preciso ir para fora do concelho.

Foi feito um sorteio de 3 mil euros de prémios que vão voltar ao concelho, porque são vales de compras para serem utilizados no concelho de Abrantes.

Manuel Jorge Valamatos, presidente CM Abrantes

 

De notar que este sorteio terminou a 4 de janeiro e que pela primeira vez foi feito no âmbito de todo o concelho de Abrantes. Não aderiram todas as lojas do concelho, mas há a esperança que no próximo Natal o número de estabelecimentos possa aumentar assim como o volume de negócios das transações que vão ser registadas nos cupões de participação.

Galeria de Imagens