Pesquisar notícia
sexta,
24 mar 2023
PUB
Sertã

Casa da Cultura recebe concerto de Bandas Filarmónicas

11/03/2023 às 12:11
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

A 18 de março, a Filarmónica União Sertaginense promove o Intercâmbio de Bandas Filarmónicas, tendo para o efeito convidado a Sociedade Filarmónica União Samorense. Às 15 horas, decorrerá a arruada pelas ruas da vila da Sertã com receção oficial à banda filarmónica convidada na Alameda da Carvalha, numa iniciativa que conta com o apoio do Município da Sertã.

Às 16h30m, realiza-se na Casa da Cultura da Sertã o concerto com a Sociedade Filarmónica União Samorense e a Filarmónica União Sertaginense, que apresentarão um reportório musical que vai do passodoble a obras dos maiores compositores para Banda dos séculos XX e XXI, reconhecidos nacional e internacionalmente.

A entrada é gratuita mediante apresentação de bilhete, que deverá ser levantado antecipadamente na Casa da Cultura da Sertã (máximo de três bilhetes por pessoa) de 13 a 17 de março, das 9 às 17 horas. Poderão ser feitas reservas presencialmente ou pelo telefone 274 600 326 (reserva válida apenas até meia hora antes do início do espetáculo).

O concerto integra-se no Intercâmbio de Bandas Filarmónicas que pretende ser um encontro enriquecedor e uma experiência motivadora para os jovens músicos, possibilitando-lhes a troca de conhecimentos e vivências musicais.

A Filarmónica União Sertaginense é uma coletividade centenária, das mais antigas do país, e detentora de um impressionante historial, com origem na primeira metade do século XIX. Fundada a 1 de dezembro de 1830, é uma coletividade essencialmente vocacionada para o ensino e divulgação da música que, ao longo da sua existência, tem estabelecido uma perfeita simbiose entre sucessivas gerações. Assume-se, atualmente, como uma das maiores e mais expressivas associações culturais do concelho, fruto da grande persistência dos seus dirigentes, da incondicional dedicação dos seus executantes e da grande generosidade dos seus associados. Desde 2022, a FUS conta com direção musical do Maestro Daniel Frazão.

A Sociedade Filarmónica União Samorense, tal como a FUS, é uma Banda Filarmónica centenária, que teve a sua criação após a Primeira Guerra Mundial, em 1921, quando os samorenses José Rato, o Mestre-Escola Prof Neves e João Pedro Fernandes se organizaram e fundaram esta nova coletividade, após o desaparecimento de anteriores bandas filarmónicas, em Samora Correia. Além de Banda Filarmónica, esta coletividade conta com as vertentes de Tuna e o Rancho Folclórico “Ceifeiras e Campinos”. Desde 2019, a SFUS é dirigida pelo Maestro Manuel Ruivo.