Pesquisar notícia
quinta,
06 out 2022
PUB
Sociedade

Cerca de 60 concelhos de oito distritos do país em perigo máximo de incêndio

13/06/2022 às 09:25
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter
DR

Cerca de 60 concelhos dos distritos de Bragança, Viseu, Guarda, Coimbra, Castelo Branco, Santarém, Portalegre e Faro apresentam hoje um perigo máximo de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

No distrito de Bragança estão sob este alerta do IPMA os concelhos de Mirandela, Vimioso, Macedo de Cavaleiros, Mogadouro, Freixo de Espada à Cinta, Bragança e Alfandega da Fé.

Estão também em perigo máximo de incêndio os concelhos de Arganil, Tábua, Oliveira do Hospital, Pampilhosa da Serra e Góis, no distrito de Coimbra, e os concelhos do Fundão, Covilhã, Penamacor, Belmonte, Castelo Branco, Proença-a-Nova, Penalva do Castelo, Oleiros, Sertã, Vila de Rei e Vila Velha de Ródão, no distrito de Castelo Branco.

O IPMA colocou sob o mesmo alerta, no distrito de Viseu, os concelhos de Armamar, Penedono, Tabuaço, Meda, São João da Pesqueira, Moimenta da Beira, Sernancelhe, Nelas e Carregal do Sal, e no distrito da Guarda, os concelhos de Vila Nova de Foz Coa, Pinhel, Almeida, Guarda, Figueira de Castelo Rodrigo, Fornos de Algodres e Manteigas e Seia.

Em perigo máximo de incêndio estão também, no distrito de Santarém, os concelhos de Constância, Abrantes, Sardoal, Mação, Ferreira do Zêzere, Tomar, Vila Nova da Barquinha e Chamusca.

O IPMA colocou também em perigo máximo de incêndio os concelhos de Nisa, Portalegre, Gavião, Castelo de Vide e Marvão, no distrito de Portalegre, e os concelhos de Loulé, São Brás de Alportel, Tavira, Loulé e Alcoutim no distrito de Faro.

Segundo a informação publicada no site do instituto, estão em perigo muito elevado de incêndio, vários concelhos dos distritos de Faro, Beja, Évora, Portalegre, Castelo Branco, Santarém, Leiria, Guarda, Viseu Bragança, Braga e Vila Real.

Para hoje, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê tempo quente, com céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade na faixa costeira, em especial até final da manhã e a partir do final da tarde.

O vento soprará em geral fraco predominando do quadrante leste, sendo fraco a moderado (até 30 km/h) no Algarve até final da manhã, tornando-se gradualmente do quadrante oeste.

Nas terras altas, o vento soprará fraco a moderado (até 30 km/h) predominando do quadrante sul, por vezes forte (até 40 km/h) até ao meio da manhã.

Prevê-se ainda neblina ou nevoeiro matinal em alguns locais da faixa costeira.

As temperaturas máximas previstas vão oscilar entre os 27 graus celsius em Sagres, Sines e Viana do Castelo e os 39 graus em Évora.

Lusa