Pesquisar notícia
segunda,
04 jul 2022
PUB
Cultura

"Caminhos do Ferro" levam teatro, circo e concertos a quatro concelhos do Médio Tejo

1/04/2022 às 18:03
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

Sob o mote "Caminhos do Ferro", dezenas de espetáculos de teatro, circo contemporâneo e concertos musicais vão acontecer de 09 a 25 de abril, em quatro concelhos do Médio Tejo, no âmbito da programação cultural em rede Caminhos.

Após dois anos parado devido à pandemia, o ciclo Caminhos do Ferro vai acontecer em Abrantes, Entroncamento, Sardoal, no distrito de Santarém, e Sertã, Castelo Branco, traz consigo “teatro, circo contemporâneo, malabarismos e concertos musicais, numa oferta diversificada para todos os gostos e idades”, e vai decorrer em quatro dos 13 municípios que compõem a Comunidade Intermunicipal (CIM) do Médio Tejo, entidade organizadora.

Com três ciclos anuais – Caminhos do Ferro, em abril, da Água, em julho, e da Pedra, em outubro -, a iniciativa assume como “imagem de marca” os projetos comunitários, com residências artísticas na região, e os percursos artísticos, que deixam “um legado na comunidade local” e tornam o território “uma região de apreciadores de cultura” e de atração de “turistas culturais”, realça a presidente da CIM do Médio Tejo, Anabela Freitas, numa nota de divulgação da iniciativa.

Afirmando regressar “Rijos como o Ferro”, o ciclo Caminhos do Ferro destaca a programação de abril, de entradas gratuitas, em “mês da evocação da liberdade, mas também da cultura e da interação artística com as comunidades locais”.

A programação cultural arranca no dia 09 de abril, no Entroncamento e em Abrantes, com três peças de teatro, e em Sardoal, com circo contemporâneo.

A cidade ferroviária recebe o teatro físico - Katastrofa Show -, na Praça Salgueiro Maia, às 11:00, com segunda sessão às 16:00, no multiusos do Entroncamento, ao passo que a Abrantes será palco da peça Mutabilia, às 21:30, na Praça Raimundo Soares, e a Praça Nova de Sardoal recebe o circo Equilibrium Tremens, às 16:00.

No dia seguinte, 10 de abril, será a vez do teatro Gira Mundo animar o Parque Urbano de São Lourenço, em Abrantes, às 11:00.

O Caminhos segue a linha férrea e regressa ao Entroncamento no dia 16 de abril com o teatro Juggling Rendez-Vous, às 16:00, na Praça Salgueiro Maia.

A música chega à Sertã a 23 de abril, com concertos de Senza e Miguel Calhaz, a que se segue o músico Bernardo Alves. Os espetáculos têm início às 21:00, na Casa da Cultura da Sertã.

No dia seguinte, será a vez do circo contemporâneo E-nxada chegar ao centro histórico da Sertã, com atuação marcada para as 16:00, na Alameda da Carvalha.

Dia 25 de abril, a Casa da Cultura da Sertã acolhe às 18:00 um concerto de música popular com Sebastião Antunes e a banda Quadrilha.

Para além do Caminhos do Ferro, está a decorrer o projeto ‘Caminhos das Pessoas’ em vários concelhos do Médio Tejo, sendo inaugurada dia 09 de abril a exposição "Retratos da Minha Terra – Geografias", de Augusto Brázio, no Centro Cultural Elvino Pereira, em Mação, seguindo depois a mostra fotográfica para Sardoal, onde estará entre os dias 06 a 31 de maio.

Cofinanciado pelo Centro 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER, o Caminhos arrancou em 2017, envolvendo “uma equipa multidisciplinar formada por agentes dos 13 municípios associados da CIM Médio Tejo”, refere a nota.

O projeto surgiu da vontade de apresentar às populações da região “ofertas culturais alternativas, arrojadas e que colocassem o território no mapa artístico e cultural a nível nacional e internacional”, acrescenta.

Lusa