Pesquisar notícia
segunda,
06 dez 2021
PUB
Concelhos

Abrantes: Autarquia apresenta pacote de medidas para famílias e empresas no valor de 250 mil (C/ÁUDIO)

23/11/2020 às 20:20
Partilhar nas redes sociais:
Facebook Twitter

O presidente da Câmara de Abrantes apresentou na tarde desta segunda-feira, dia 23 de novembro, um pacote de medida de apoio às famílias e empresas. Com um envelope financeiro de 250 mil euros a Câmara de Abrantes pretende dar mais um contributo para as famílias, não descurando os apoios sociais que já existiam e que continuam a existir.

Assim, a partir do dia 2 de dezembro todas as refeições dos alunos do concelho de Abrantes passam a ser gratuitas. Quer isto dizer que até ao final do ano letivo os alunos, desde o pré-escolar ao secundário não vão pagar as refeições que fazem na escola. De acordo com presidente da Câmara terão de adquirir a senha como até aqui, mas sem qualquer pagamento.

Ainda segundo o presidente da autarquia será criado um fundo de apoio e emergência social, numa ação desenvolvida em parceria com as juntas de freguesia e que disponibiliza o apoio em despesas de: alimentos e produtos de higiene de primeira necessidade; medicação com receita médica ou considerada urgente; transportes para tratamento de doença ou questões de saúde, quando considerado urgente e inadiável; ou outras situações pontuais que não possam aguardar decisão de programas e apoios sociais já existentes. Esta medida começa a ser implementada igualmente dia 2 de dezembro.

E anunciou ainda a criação de uma linha de apoio psicológico e emocional, em resposta às crescentes necessidades, decorrentes da evolução da pandemia (contactos: 966 919 490 / 241 330 217).

Manuel Jorge Valamatos refere que estes são apoios novos, mas que todos os outros apoios aos mais desfavorecidos não deixaram de fazer parte do trabalho dos serviços de ação social da autarquia.

Manuel Jorge Valamatos anunciou depois medidas para as empresas. Começou por indicar que haverá a isenção de pagamento da fatura da água do mês de dezembro. Esta medida é destinada ao comércio tradicional, restaurantes, cafés e similares. Para poderem ter este apoio os empresários deverão apresentar um requerimento nos Serviços Municipalizados de Abrantes (SMA), Loja do Cidadão, Balcão de atendimento da Câmara Municipal, site dos SMA, site da CMA e no Abrantes 360 até dia 15 dezembro.

O autarca de Abrantes anunciou ainda a isenção automática de pagamento de licença de esplanadas no concelho em 2021 e a isenção automática de pagamento de toldos no concelho em 2021 para o comércio tradicional, restaurantes, cafés e similares.

Este pacote de medidas junta-se aquelas que foram tomadas em março, na primeira vaga da pandemia e na qual a Câmara de Abrantes registou uma despesa de cerca de 750 mil euros.

De referir que com este novo pacote de medidas a despesa da autarquia nas medidas de combate à Covid-19 é superior a um milhão de euros.

Mas a Câmara de Abrantes realçou que há um conjunto de outras medidas que continuam a ser desenvolvidas no concelho, nomeadamente a entrega ao domicílio de bens de primeira necessidade à população vulnerável; o programa de Apoio a Estratos Sociais Desfavorecidos; o apoio à realização de testes a profissionais da linha da frente (incluindo IPSS); o apoio à vacinação contra a gripe sazonal; a isenção de pagamento do estacionamento tarifado; a isenção de rendas de espaços municipais encerrados; a isenção do pagamento de licença de esplanadas; a possibilidade de aumento da área de esplanadas; e a isenção de pagamento do autocarro “aBUSa”.